A prática atual da saúde mental digital e os padrões futuros

Saúde mental digital é o futuro para uma melhor prestação de serviços para a saúde mental em todas as fases da jornada do paciente. É particularmente eficaz para a prestação de intervenções precoces para jovens e para cuidados de saúde mental a pessoas sem acesso a centros de saúde. Perspectivas interessantes sobre muitas oportunidades apresentadas pela saúde mental digital em todo o mundo foram fornecidas por especialistas no WCP21 (Congresso Mundial de Psiquiatria, da Associação Mundial de Psiquiatria).

Mudando os cuidados em saúde mental do hospital para casa

O próximo passo é a prestação de cuidados em saúde mental através de dispositivos móveis para a casa do paciente  

 

Nos últimos 30 anos, o conceito de cuidados em saúde comunitários levou a uma mudança na entrega de cuidados em saúde mental, desde hospitais a centros comunitários, disse o Professor Umberto Volpe, Antona, Itáia.

A próxima etapa é do hospital para a casa do paciente com a entrega de cuidados de saúde mental através de um dispositivo móvel.1

A COVID-19 acelerou essa revolução em cuidados de saúde digital, com vários especialistas promovendo um maior uso da telemedicina no início da COVID-19. Foi argumentado que a COVID-19 estava promovendo uma oportunidade para “acelerar e dobrar a curva” na saúde digital,explicou o Professor Volpe, que destacou uma estrutura para telemedicina usada durante a pandemia da COVID-19, que poderia ser adaptada para saúde pública mental em larga escala.3

Saúde mental digital resultará numa transformação radical na prática da psiquiatria globalmente.

 

O Professor Volpe adicionou que muito do que um psiquiatra faz pode ser realizado de forma eficiente online, e a telemedicina agora se tornou uma forma padrão de os psiquiatras se comunicarem com seus pacientes.

A saúde mental eletrônica é o novo normal e resultará em uma transformação radical na prática da psiquiatria globalmente, mas a transformação radical muitas vezes traz desigualdade na disseminação da prática, 4-6 disse o Professor Volpe:

A telemedicina é agora uma forma padrão para psiquiatras se comunicarem com seus pacientes

 

Várias iniciativas de saúde mental digital foram lançadas na Europa, e padronização e treinamento de qualidade estão em andamento não apenas na Europa, mas em todo o mundo. No entanto, no Sudeste Asiático, é necessário adaptar os serviços, infraestrutura, ambientes administrativos, suporte técnico e equipamento aos ambientes de saúde digital, explicou o Professor Volpe.

Uma maior colaboração internacional é, portanto, necessária para alcançar a psiquiatria digital global.

 

Aumento da capacidade e qualidade dos cuidados

 

A saúde mental digital oferece muitas oportunidades para estratégias de intervenção precoce

 

A saúde mental digital é mais do que fazer videoconferências, disse o Professor RM Krausz (Vancouver, Canadá). Está levando a uma mudança de paradigma em como nós fornecemos e entregamos a saúde mental.

Ele destacou sua importância particular em alcançar e engajar pessoas jovens para estratégias de intervenção precoce.

“Online” é o meio de comunicação preferido para jovens bem versados em jogos online e prestação de serviços, então a saúde mental oferece muitas oportunidades para aumentar a capacidade e a qualidade do atendimento, disse o professor Krausz.

 

Uma clínica virtual pode ajudar a resolver a escassez de psiquiatras em todo o mundo.

 

Ele descreveu um futuro de provisão de cuidado de saúde mental integrada através:5,6

  • De uma clínica virtual que pode ajudar a resolver a escassez de psiquiatras em todo o mundo e, até mesmo, ser usada além de fronteiras.
  • Plataformas web com recursos online de fácil acesso, incluindo ferramentas de jogos para simular riscos e a influência do comportamento para evitar riscos, e psicoterapia online
  • Consultas presenciais

O Professor Krausz concluiu com três mensagens - a saúde mental digital é o novo normal, é um desafio global e levará a uma mudança de paradigma na provisão e prestação de saúde mental.6

 

 

Quer receber as novidades da Progress in Mind Brazil no seu celular?

Participe do nosso canal no Telegram clicando aqui e receba os novos conteúdos assim que forem publicados!

Referências
  1. Dorsey ER, Topol EJ. Telemedicine 2020 and the next decade. Lancet 2020;395:859.
  2. Torous J, et al. Digital mental health and COVID-19: Using technology today to accelerate the curve on access and quality tomorrow. JMIR Ment Health 2020;7(3):e18848.
  3. Ohannessian R, et al. Global telemedicine implementation and integration within health systems to fight the COVID-19 pandemic: a call to action. JMIR Public Health Surveill 2020; 6(2):e18810.
  4. Strudwick G, et al. Advancing e-mental health in Canada: report from a multistakeholder meeting. JMIR Ment Health 2020;7(4):e19360.
  5. Krausz M, et al. (2016) From telehealth to an interactive virtual clinic. In: Mucic D., Hilty D. (eds) e-Mental Health. Springer, Cham. https://doi.org/10.1007/978-3-319-20852-7_15.
  6. Krausz M, et al. Emergency response to COVID-19 in Canada: Platform development and implementation for eHealth in crisis management. JMIR Public Health Surveill 2020;6(2):e18995.
Você está deixando Progress in Mind
Olá,
Por favor, confirme seu e-mail
Enviamos um link de confirmação para o seu endereço de email. Por favor, verifique sua caixa de entrada e/ou sua caixa de spam e clique no botão Confirmo meu endereço de email para obter acesso completo ao site.
As informações neste site são exclusivamente destinadas a profissionais de saúde.